O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta sexta-feira (6) que não vai para Curitiba se entregar à Polícia Federal (PF), informou o petista a Ricardo Kotscho, seu ex-assessor, em entrevista publicada no jornal Folha de S.Paulo

De acordo com a publicação, Lula conversou rapidamente por telefone com o jornalista, por volta das 8h30 da manhã, e informou que estava “tranquilo e bem disposto”, inclusive já havia praticado exercícios matinais.

O ex-presidente está na sede do Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, acompanhado de lideranças do Partido dos Trabalhadores, amigos e seus filhos.

O juiz Sergio Moro ordenou, na tarde desta quinta (5), que o petista se apresente à Polícia Federal em Curitiba até as 17h desta sexta-feira (6).

defesa do petista entrou com um habeas corpus no STJ (Superior Tribunal de Justiça) para tentar impedir a prisão imediata de Lula.

Fonte: Cidadeverde.com por Folha

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here