A ocorrência foi registrada no início da tarde da última quinta-feira, 10 e deixou em choque a comunidade regional no Oeste de Santa Catarina.
Os bombeiros e a Polícia Militar foram acionados por volta das 13h15 para atender a uma ocorrência de disparo de arma de fogo na Rua Abel Rota, no Cruzeiro, em São Lourenço do Oeste.
No local Daniela Aparecida Simões Dala Vale, de 37 anos, acabou assassinando, com pelo menos cinco disparos de arma de fogo, a própria filha de cinco anos e na sequência tirou a vida. Essa é a suspeita inicial, com base nas averiguações das forças de segurança que estiveram no local. Porém, o crime ainda será investigado pela Polícia Civil, que esteve na casa colhendo provas e vai ouvir testemunhas.
Conforme a Polícia Militar, em entrevista, as duas vítimas estavam no mesmo quarto. A menina foi encontrada morta na cama e a mulher caída no chão do cômodo, com um rifle calibre .22 ao lado. A arma tinha silenciador.
A criança apresentava ao menos cinco perfurações no tórax e uma na cabeça. A mulher possuía um ferimento, também causado por tiro, no queixo e um no tórax. Havia uma carta no local escrita supostamente pela mulher relatando a intenção de cometer homicídio contra filha e se matar em seguida. O material será analisado por peritos.
Conforme familiares, a mulher sofria de depressão e estava em tratamento no Caps. O marido da mulher e pai da criança estava trabalhando no momento dos disparos.
Fonte: Blog Lima Alves 
COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here