A Prefeitura de Lagoa do Sítio, através da secretaria municipal de saúde divulgou nessa terça 02/10 o calendário da segunda vigência para acompanhamento das condicionalidades do Programa Bolsa Família do ano 2018.

Cronograma do Peso do Bolsa Família, local onde será realizado o acompanhamento.

✔15/10 – André Gomes, Marcos e Pinicada
✔22/10 – São Domingos e Uruçus 
✔29/10 – Sítio Santo Antônio e Boa Vista
✔05/11 – Arizona e Tapera 
✔12/11 – Piçarra e Centro
✔19/11 – Angico
✔26/11 – Baixas

Entenda;

As famílias beneficiárias que possuem crianças menores de 07 anos e mulheres em idade de 14 a 44 anos deverão ser assistidas por uma Equipe de Saúde da Família ou por uma Unidade Básica de Saúde. É fundamental que a equipe de saúde esclareça à família sobre a sua participação no cumprimento das ações que compõem as condicionalidades do Programa Bolsa Família, deixando-a ciente de suas responsabilidades na melhoria de suas condições de saúde e nutrição.
O acompanhamento das ações de saúde e nutrição dessas famílias na atenção básica do Sistema Único de Saúde – SUS foi assumido pelos estados e municípios por meio do Pacto pela Vida conforme descrito em Portaria Ministerial GM 325 de 21 de fevereiro de 2008 e revogada na Portaria 2669 de 03 de novembro de 2009 , ao incluir
o Indicador sobre o Percentual de famílias com perfil saúde beneficiárias do Programa acompanhadas pela Atenção Básica. Portanto, cada vez mais destaca-se o importante papel que o SUS tem na melhoria da qualidade de vida de todos, especialmente, desses cidadãos que se encontram dentro da linha de pobreza do país.
Adicionalmente o Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, quando elaborou a Política Nacional de Alimentação e Nutrição – PNAN, parte integrante dparte integrante da Política Nacional de Saúde, reafirmou que a Alimentação Adequada é um Direito Humano.
A garantia desse direito é fundamental, pois, a alimentação e nutrição adequadas são ingredientes básicos para o desenvolvimento do ser humano, garantindo a ele a realização de sua capacidade de produção, de sua cidadania e do seu bem-estar.
A equipe de saúde deve identificar se uma família tem garantido todas as condições de acesso aos alimentos básicos seguros e de qualidade, em quantidade suficiente, atendendo aos requisitos nutricionais, de modo permanente e sem comprometer outras necessidades essenciais, com base em práticas alimentares saudáveis,
contribuindo, assim, para uma existência digna, colaborando para o desenvolvimento integral dos indivíduos, que são os princípios de Segurança Alimentar e Nutricional.

  Para isso, é importante que a equipe de saúde local, responsável pela atenção básica à saúde firmemente apoiada pela estratégia Saúde da Família e pelo Programa de Agentes Comunitários de Saúde conheça a situação de saúde e da alimentação e nutrição na comunidade e nas famílias em que atua e auxilie na busca de possibilidades
de melhorá-la, principalmente naquelas famílias mais necessitadas.

Fonte Lagoa Online

 

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here