O jogo mais esperado do Grupo F da Copa do Nordeste Sub-20 teve o resultado menos esperado para quem acompanhava a partida. O River vencia o jogo mesmo depois de desperdiçar um pênalti, mas cansou no fim, cedeu o empate e correu o risco de levar uma virada do Ceará em pleno Albertão. No fim da partida, na noite deste sábado (10), o 1 a 1 manteve os dois times empatados em número de pontos, mas os cearenses lideram no saldo de gols.

O Galinho abriu o placar aos 5 minutos de partida. Juninho, o mesmo que tinha feito o gol aos 40 segundos de jogo contra o Sampaio Corrêa (MA) na rodada passada, recebeu a bola na cobrança de lateral e chutou para as redes.

Ainda no primeiro tempo, o atacante Matheus desperdiçou uma cobrança de pênalti, que poderia ter deixado o time tricolor em situação mais tranquila na partida.

Fotos: Victor Costa/River A.C.

O jogo mais esperado do Grupo F da Copa do Nordeste Sub-20 teve o resultado menos esperado para quem acompanhava a partida. O River vencia o jogo mesmo depois de desperdiçar um pênalti, mas cansou no fim, cedeu o empate e correu o risco de levar uma virada do Ceará em pleno Albertão. No fim da partida, na noite deste sábado (10), o 1 a 1 manteve os dois times empatados em número de pontos, mas os cearenses lideram no saldo de gols.

O Galinho abriu o placar aos 5 minutos de partida. Juninho, o mesmo que tinha feito o gol aos 40 segundos de jogo contra o Sampaio Corrêa (MA) na rodada passada, recebeu a bola na cobrança de lateral e chutou para as redes.

Ainda no primeiro tempo, o atacante Matheus desperdiçou uma cobrança de pênalti, que poderia ter deixado o time tricolor em situação mais tranquila na partida.

Na etapa final, o time piauiense sentiu desgaste físico. Aos 38 minutos, Somália empatou o jogo para o Ceará: 1 a 1.

E quando as substituições já haviam sido feitas, o volante Kaio sofreu uma pancada na cabeça e desmaiou em campo. O jogador foi atendido e levado de ambulância para um hospital, fez exames e foi liberado ainda na noite deste sábado.

Tudo bem com o Kaio, mas o problemas foi para o elenco do River, que ficou com um jogador a menos em campo, com as pernas cansadas e sofrendo pressão do Ceará. Foram seis minutos de acréscimos e pressão do alvinegro. O River suportou e, apesar de sair de casa com um resultado amargo, pode dizer que ficou no lucro nos minutos finais.

Empatados com 7 pontos ganhos, River e Ceará voltam a se enfrentar no próximo sábado (17), e desta vez o mando de campo é cearense. Quem vencer, fica mais perto das semifinais – só o líder do grupo se classifica. Se houver novo empate, o Ceará segue em vantagem, por ter dois gols de saldo a mais que o River.

Na Esportiva Por fábio Lima

Fonte: Cidadeverde.com

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here