A Polícia Civil do Estado prendeu, na noite desta sexta-feira (13), um homem suspeito de integrar uma quadrilha de assalto a bancos com atuação no Piauí. Fernando Machado Vasconcelos, conhecido como Geleia, vinha de Pernambuco quando foi surpreendido pela polícia em Demerval Lobão. Além dele foram presos Fábio Mendes Gonçalves Cordeiro e Isis Maria Barros de Araujo

Foto: PC

Com “Geleia” foram apreendidas 130 bananas de dinamite. Segundo a polícia, ele é considerado um dos maiores assaltantes de bancos com atuação no Piauí e Maranhão, com vários mandados de prisão em aberto, tendo participado de mais de dez roubos e explosões a bancos de dezembro do ano passado até agora.

“Geleia” era procurado desde junho do ano passado, quandoum casal suspeito de integrar o Novo Cangaço, organização criminosa especializada em roubo a banco, foi preso em uma residência em Teresina. Com a prisão, a Polícia do Piauí conseguiu impedir assalto a uma agência bancária no interior do Estado. Na residência foi encontrado o documento de identidade dele.

De acordo com a polícia, o bando é especializado em assalto a banco, mas se utiliza do tráfico de drogas como atividade intercalada para financiar roubos a instituições financeiras.

O ‘Novo Cangaço’, remete à famosa quadrilha de Lampião, em meados do século 18. O modus operandi dos “novos cangaceiros” tem semelhança com o velho cangaço. Este, não raro, fazia uso de reféns; o bando também era grande, de 10 a 15 membros; e preferia atacar pequenas cidades.

Motorizados, armados de fuzis e pistolas, os “cangaceiros” modernos sitiam os municípios. A ação acontece sempre da mesma forma. Um grupo segue até o destacamento da Polícia Militar e criva de balas as paredes do prédio e as viaturas no local. Enquanto isso, outra parte da quadrilha explode a agência bancária.

Leia nota da Polícia Civil

A Polícia Civil do Piauí comunica que nesta sexta-feira  (13/04), em ação conjunta do GRECO, BOPE/PM-PI, DIRETORIA DE INTELIGÊNCIA DA SSP-PI e DOE/PC, foram realizadas as prisões de Fernando Machado Vasconcelos, vulgo Geléia, Fábio Mendes Gonçalves Cordeiro e Isis Maria Barros de Araujo, integrantes de organização criminosa voltada para prática de crimes de roubos a instituições financeiras, momento em que foram apreendidas, vasta quantidade de emulsão explosiva, drogas e balança de precisão.

De acordo com a polícia, Geléia é considerado um dos maiores assaltantes de bancos com atuação no Piauí e Maranhão, com vários mandados de prisão em aberto, tendo participado de mais de dez roubos e explosões a bancos de dezembro do ano passado até agora.

Outros integrantes da organização foram presos em datas anteriores. As diligências continuam no sentido de prender mais pessoas envolvidas nestes crimes.

Nesta segunda-feira (16/04), às 7h, será realizada coletiva no GRECO, onde serão repassadas mais informações e os detalhes sobre as prisões realizadas.

Fonte: Cidadeverde.com / Hérlon Moraes

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here