A Polícia Civil identificou dois policiais militares suspeitos de envolvimento no desaparecimento do jovem Isaías Rodrigues da Silva, 18 anos. O coordenador da Delegacia de Homicídios, Francisco Costa, o Baretta, declarou que será enviado um ofício para a Corregedoria da Polícia Militar do Piauí para que os investigados sejam apresentados.

Em entrevista ao Cidadeverde.com, o delegado disse que a vítima foi agredida supostamente após tentar roubar um PM.

“A vítima teria tentado roubar um PM, mas acabou sendo imobilizado. Ele estava com o facão que foi usado para agredi-lo. Pelos menos cinco pessoas presenciaram ele apanhando e em seguida sendo colocado na viatura”, disse Baretta.

O corpo de Isaías foi encontrado dentro do rio Poti, nas proximidades da ponte do Tancredo Neves, por volta das 7h da manhã de terça (14), ou seja,  cerca de dois dias depois do seu desaparecimento no domingo à noite.

O delegado aguarda ainda o resultado do laudo do Instituto Médico Legal (IML) para atestar as causas da morte.

“Ainda não sabemos se ele foi morto por espancamento, se o corpo foi jogado no rio ou se foi morto em outro local e o corpo jogado nas águas do rio”, ressalta Baretta.

Familiares da vítima prestam depoimento na Delegacia de Homicídios.

Fonte:cidadeverde.com / Graciane Sousa

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here