Além de Margarete, outro nome apresentado pelo PP para ser vice do tucano foi o empresário Benjanmin Steinbruch, presidente da Companhia Siderúrgica Nacional.

 vice-governadora Maragarete Coelho (Progressistas) foi indicada pelo senador Ciro Nogueira, presidente do diretório nacional do partido, para ser a vice na chapa do ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) à Presidência da República.

Grupo de partidos conhecido como “centrão” confirmou apoio ao tucano Geraldo Alckmin na disputa presidencial (Foto: Humberto Sousa)

A informação foi dada inicialmente pelo grupo Folha de São Paulo.

Além de Margarete, outro nome apresentado pelo PP para ser vice do tucano foi o empresário Benjanmin Steinbruch, presidente da Companhia Siderúrgica Nacional, que também já foi cotado para ser o vice do ex-governador cearense Ciro Gomes (PDT), também presidenciável.

Os nomes do PP passaram a ser avaliados como alternativa pelo grupo de partidos que integra o chamado “centrão”, formalmente denominado de “Centro Democrático”, depois que o empresário Josué Alencar (PR-MG) comunicou oficialmente que não aceitaria mais ser o vice de Geraldo Alckmin. “Por questões pessoais, não posso aceitar. Estou convicto, contudo, de que os partidos, unidos neste momento em favor de um Brasil melhor, indicarão candidato a vice-presidente capaz de agregar muito mais força eleitoral e conhecimento político do que eu para o cumprimento da missão”, diz um trecho da carta endereçada aos partidos que integram o grupo – PP, DEM, PR, PRB e Solidariedade.

O grupo confirmou nesta quinta o apoio ao ex-governador Geraldo Alckmin. No evento, Ciro Nogueira disse que o tucano conquistou a “unanimidade” dentro do grupo, e prometeu ao presidenciável o empenho da “militância aguerrida” do seu PP.

 

Dispensada pelo petista Wellington Dias, Margarete Coelho é cotada para ser vice do tucano Geraldo Alckmin na disputa pela Presidência da República (Fotos: Humberto Sousa e Arquivo O DIA) 

O ex-governador paulista agradeceu o apoio dos partidos do centrão ressaltando que eles estão se alinhando à sua pré-candidatura mesmo sem ele estar entre os primeiros nas pesquisas de intenções de voto para a Presidência da República.

“O caminho não é nem autoritarismo nem populismo, mas é democracia. A boa política que leva ao bom convívio social, leva ao diálogo, leva ao entendimento. Nós estamos aqui, para minha honra, recebendo o apoio de cinco grandes partidos que têm responsabilidade para com o povo brasileiro e para com o nosso país”, afirmou Geraldo Alckmin, durante o evento em que o centrão confirmou o apoio à sua pré-candidatura.

Fonte: Portalodia.com / Cícero Portela

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here