A professora e vereadora eleita em primeiro lugar nas eleições de (02) de outubro de 2016 pelo Partido Progressista (PP) em Valença do Piauí, Francisca Íres Lima Verde Rego Moreira, mesmo sem assumir o cargo legislativo, já começou a trabalhar. Além de resolver o problema, publicou em sua rede social “Facebook” sua indignação.

Em uma breve reunião com a Diretora do Hospital Regional Eustáquio Portela (HREP) Drª Lucilia em Valença do Piauí, ficou surpresa quando foi informada que, uma liderança política do município tinha exonerado (demitido) verbalmente, vários servidores daquele Hospital, o pior sem autorização do Secretário de Estado da Saúde do Piauí.

Acompanhe na íntegra o que escrever a vereadora

“Sair agora de uma reunião com a diretora do hospital Dra. Lucília (que vem desempenhando um excelente trabalho). Um politico de Valença demitiu verbalmente os servidores do hospital, como se lá fosse uma instituição privada. Ligamos para o Chefe de Gabinete Merlong Solano que disse para a diretora não acatar nenhuma decisão como esta. (Lembrando que para demitir uma pessoa de uma repartição pública é necessário um documento escrito e não verbamente. Não me importa em quem essas pessoas votaram. Exerceram apenas a democracia e merecem o respeito e tranquilidade para trabalhar, afinal de contas trabalham com o que temos de mais precioso, nossa SAÚDE. Como diz o fantástico estamos de olho e contém comigo”.

ir-600x330

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here