Dorival Júnior foi apresentado neste sábado (29) como novo técnico do Flamengo. Em sua primeira entrevista, falou que está focado nos 12 jogos finais do Campeonato Brasileiro e chamou a sequência de uma “Copa do Mundo ampliada”.

“Vim consciente de que nessas 12 partidas teremos uma Copa do Mundo ampliada. Espero contribuir com tudo aquilo que preparamos e vivenciamos ao longo dos anos”, afirmou Dorival, que já havia dirigido o Flamengo em 2012.

Fotos: Divulgação/Flamengo

A tarefa de Dorival não é das mais tranquilas. O Flamengo, que já foi líder do Nacional, ocupa agora a quarta colocação, com três pontos de desvantagem para o líder São Paulo (48 a 51). Entre eles, ainda estão Palmeiras e Inter, com 50.

Dorival não teve nem tempo de trabalhar em treinamentos antes da estreia. Ele já comanda o time rubro negro neste sábado, na Arena Fonte Nova, contra o Bahia.

A pressa aconteceu justamente por causa da demissão do técnico Maurício Barbieri no começo desta sexta-feira (28). Ele não resistiu à pressão depois da eliminação na semifinal da Copa do Brasil para o Corinthians, após o Flamengo ser derrotado por 2 a 1 no Itaquerão.

Mesmo assim, Dorival não se mostrou acuado diante da responsabilidade de precisar reverter esse quadro desfavorável no Brasileiro.

“É um momento importante para o clube, e será fundamental a postura de um time que precisa de resultados. Me sinto preparado para um momento desse.

Com certeza tentarei fazer o máximo possível para o Flamengo chegar aos seus objetivos”, comentou Dorival, que assinou contrato apenas até o fim de 2018.

Fonte: cideverde.com 

Por SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS)

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here