Em mais um episódio de sua briga judicial contra a ex-empresária, Kamilla Fialho, Anitta teve um recurso negado e agora poderá ter seus bens e o passaporte bloqueados. Tudo porque a cantora não teria quitado uma multa contratual.

“Anitta, em total desrespeito a decisão judicial, não depositou a quantia [da multa de rescisão contratual] e interpôs recurso. O recurso foi prontamente negado pelo Tribunal de Justiça do RJ”, explicou o advogado Leonardo Gomes da Silva ao “Uol”.

O representante da K2L, empresa de Kamilla, ainda explicou que a decisão foi lavrada pelo desembargador Adolpho Mello Junior e que o pedido de bloqueio pode ser “proferida a qualquer momento”.

Para quem não se lembra, a cantora foi intimada a pagar R$ 2,8 milhões à antiga parceira de trabalho. Até o momento, os advogados da artista não comentaram o processo.

A questão na Justiça se arrasta desde 2014, quando Anitta decidiu encerrar a parceria de trabalho com Fialho. Na ocasião, a empresa K2L foi acusada de desviar mais de R$ 2 milhões com prestações irregulares de contas.

Fonte: Cidadeverde.com por Famosidades

COMPARTILHAR

Comentários no Facebook

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here